Acompanhe as novidades

Conheça as características e indicações da gluteoplastia de aumento

Publicado em 09/02/2017Conheça as características e indicações da gluteoplastia de aumento

A gluteoplastia de aumento – ou implante de silicone no bumbum – vem se tornado cada vez mais popular, por permitir um resultado natural para quem se submete a esse procedimento.

Para saber mais sobre essa cirurgia, confira nossas dicas abaixo:

Indicações para a gluteoplastia de aumento

A gluteoplastia de aumento é indicada para quem deseja aumentar ou modelar o glúteo, como quem possui nádegas pequenas, achatadas ou com flacidez, provocando perda de sustentação. Como resultado irá manter uma aparência natural.

Tipos de prótese

Existem dois tipos de prótese: redondos (semiesféricos) ou ovais (trapezoides). A escolha da prótese é feita após o exame físico do cirurgião plástico que irá realizar a gluteoplastia, em que são analisadas as particularidades de cada paciente, tais como a consistência, forma e volume das nádegas; as proporções entre sua altura, tamanho do tronco e do quadril.

Riscos de complicação e rejeição

Não é comum ocorrerem complicações neste procedimento, mas toda cirurgia está sujeita a sangramentos, infecções e cicatrizes inestéticas. Também é possível que ocorra uma retração exagerada da cápsula fibrosa (cicatriz interna), formada em torno da prótese, causando diferentes graus de endurecimento à região, mas isso não significa rejeição ao silicone, já que o mesmo é inerte e não leva à produção de anticorpos.

Pós-operatório

Após uma gluteoplastia de aumento é comum o paciente sentir dores nos três primeiros dias, devido à distensão muscular provocada pelas próteses entre as fibras do músculo glúteo máximo. É preciso

  • Deitar de costas nas três primeiras semanas.
  • Sentar-se em superfícies rígidas para evitar tensões sobre a cicatriz.
  • Só praticar atividade física após um mês, com avaliação e liberação do cirurgião.

Para realizar esse procedimento o médico deve ter registro no Conselho Federal de Medicina (CFM) e ser membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Entre em contato com Dr. Petrônio Fleury e agende uma consulta.